RUGENDAS. (Johann Moritz) HABITANTE DE GOYAS. Quadro a óleo pintado sobre madeira.

     
English   
 
   

Clique nas imagens para aumentar.



LAMENAIS. (Jean-Marie Robert de). TRADITION DE L'ÉGLISE SUR L'INSTITUTION DES ÉVÊQUES.

TOME PREMIER [TOME SECOND e TOME TROISIÈME] A LIÈGE, Chez { La Marié { Duvivier. Imprimeurs-Libraires & se trouve à Pariz, A la Sociétè Typographique. [Liège e Paris]. 1814.

3 Volumes in 8º de 19x12,5 cm. Com cxxii, 143[i], 415, [i] e 411, [i] págs.

Encadernações da época, inteiras de pele, com ferros a ouro de estilo francês na lombada e nos rótulos vermelhos. Cortes das folhas levemente pintados.

As páginas finais de cada volume contêm as erratas.

Impressão muito nítida sobre papel muito alvo e sonante.

Obra em que o autor faz a defesa do primado do Papa e do poder absoluto do Pontífice para nomear os bispos. Foi publicada pela primeira vez em 1805 para defender o Papa dos ataques de Napoleão e para reforçar a autonomia da Igreja no período posterior à Revolução Francesa.

Publicada anónima é da autoria (ver Barbier) de Jean Marie Robert Lamennais, irmão de Hugues Felicité Robert de Lamenais, que terá ajudado na redacção da obra. Contém no primeiro volume: A Igreja do Oriente e a instituição dos Patriarcas. Apresenta também, nos dois últimos volumes, a história da Igreja do Ocidente, a nomeação dos Patriarcas, a expansão geográfica da igreja católica através da confirmação dos bispos, e descreve os conflitos com as diversas potências europeias, que se foram agravando até ao Século XVIII.

Félicité Robert de Lamennais (Saint Malo 1780 - Plöermel 1860) ordenado presbítero em 1802, foi uma das figuras mais marcantes da revitalização da Igreja Católica na 1ª metade do Século XIX. Fundou 3 congregações religiosas: As Filhas da Providência, Os Irmãos da Instrução Cristã e Os Padres da Missão da Imaculada Conceição.

É autor de outra obra, também com ajuda do seu irmão: «Reflexões sobre o Estado da Igreja em França no Século XVIII e sobre a sua actual condição».

Foi proclamado Venerável, em 1966 pelo papa Paulo VI e o respectivo processo de canonização está em curso.

Brunet não refere.

Barbier, IV 727.

Referência: 1801JC020
Local: I-46-A-16


Caixa de sugestões
A sua opinião é importante para nós.
Se encontrou um preço incorrecto, um erro ou um problema técnico nesta página, por favor avise-nos.
Caixa de sugestões
 
Multibanco PayPal MasterCard Visa American Express

Serviços

AVALIAÇÕES E COMPRA

ORGANIZAÇÃO DE ARQUIVOS

PESQUISA BIBLIOGRÁFICA

free counters