RUGENDAS. (Johann Moritz) HABITANTE DE GOYAS, QUADRO A ÓLEO PINTADO SOBRE MADEIRA.

     
English   
 
   

Clique nas imagens para aumentar.



CARNAXIDE. (Visconde de) SOCIEDADES ANONYMAS.

Estudo theorico e pratico de direito interno e comparado. F. França Amado, Editor. Coimbra. 1913.

De 23x15,5 cm. Com 483 págs. Encadernação com ferros a seco nas pastas e a ouro na lombada. Exemplar com mancha de tinta junto ao corte central do miolo, na pata anterior, e vestígios de humidade nos cortes do miolo.

Obra que comenta e discute as consequências da lei de 22 de Junho de 1867, que estabeleceu e organizou as sociedades anónimas em Portugal. O autor destaca-se pela grande erudição e conhecimento das normas de direito de outros países europeus e torna-se um percusor das preocupações com os possíveis abusos que podia causar este tipo de entidade e da defesa dos direitos dos pequenos accionistas.

Trabalho jurídico de grande qualidade técnica que mereceu enormes elogios ao autor e é muito importante para a história da economia portuguesa no Século XIX.

António Baptista de Sousa, 1º Visconde de Carnaxide (Vila Real 1847 – Lisboa 1935) foi um político deputado e par do reino durante 5 legislaturas, jurista célebre pelas suas numerosas obras e pareceres, advogado, escritor e poeta. Exerceu durante muitos anos as funções de Secretário do Tribunal do Comércio de Lisboa. 


Temáticas

Referência: 2108JS432
Local: I-223-C-2


Caixa de sugestões
A sua opinião é importante para nós.
Se encontrou um preço incorrecto, um erro ou um problema técnico nesta página, por favor avise-nos.
Caixa de sugestões
 
Multibanco PayPal MasterCard Visa American Express

Serviços

AVALIAÇÕES E COMPRA

ORGANIZAÇÃO DE ARQUIVOS

PESQUISA BIBLIOGRÁFICA

free counters