RUGENDAS. (Johann Moritz) HABITANTE DE GOYAS, QUADRO A ÓLEO PINTADO SOBRE MADEIRA.

     
English   
 
   

Clique nas imagens para aumentar.



FREIRE DE CARVALHO. (José Liberato) ENSAIO HISTORICO-POLITICO SOBRE A CONSTITUIÇÃO E GOVERNO DO REINO DE PORTUGAL;

Onde se Mostra ser Aquelle Reino, Desde a sua Origem, uma Monarquia Representativa: e que o Absolutismo, A Superstiçaõ, e a Influencia da Inglaterra saõ as causas da sua Actual Decadencia; Por JOSÉ LIBERATO FREIRE DE CARVALHO. PARIS. Em Casa de Hector Bossange, 1830. 

In 8º de 20,8x13,1 cm. Com [iv], iv, 344 págs. Encadernação da época inteira de pele com rótulo e ferros a ouro na lombada e nas pastas onde formam uma esquadrias decorativas.

Ilustrado com o retrato do autor, virado para o seu lado direito, com panejamentos e estantes com livros em fundo e com a legenda - José Liberato Freire de Carvalho, Editor do Campeão Portuguez. Este retrato, segundo Inocêncio, foi gravado em Londres, em 1820, para ilustrar o Campeão Português e foi depois usado para ilustrar a primeira edição das Memórias, publicada em 1853, em Lisboa.     

Exemplar com assinatura de posse de finais do século XIX e uma segunda datada de Fevereiro de 1920 as duas na parte central da folha de rosto. Com danos na folha de rosto que está espelhada e com a gravura colada sobre uma folha, muito aparada na margem exterior, com danos na parte inferior e pequenas manchas marginais. Com sublinhados a lápis de cor e anotações marginais a lápis. Rasgão na página 269 sem perda de papel. 

Na folha de rosto apresenta uma citação de António Ferreira, poeta do século XVI.   

1ª Edição rara, em especial com o retrato, que práticamente nunca vem junto com esta obra. Foi publicada uma segunda edição - Lisboa, na Offic. Nevesiana 1843. No mesmo ano da primeira edição, em 1830, foi publicada uma tradução em francês - Essai historico-politique, feita pelo dr. Francisco Solano Constancio. 

É composta por uma prefação, com data de Londres, 31 de Julho de 1829, por doze capítulos, peças justificativas e um apêndice com diversos documentos anti-ingleses.  

José Liberato Freire de Carvalho (Quinta do Montesão, Coimbra, 1772 - Lisboa 1855) Escritor que foi um notável jornalista político e panfletário ao serviço das ideias liberais. Pertenceu à maçonaria, foi membro correspondente da 1ª Classe do Instituto Histórico de Paris, desde 1835 e sócio honorário da Academia de Belas Artes de Lisboa desde 1837. Foi sócio da Academia Real das Ciências desde 22 de Novembro de 1804 e donde se despediu em 21 de Janeiro de 1853, por injustiças que de que se achou vítima.   

Inocêncio IV, 417 a 421 e XIII, 57e 58. 

Referência: 2104PG005
Local: I-112-E-10


Caixa de sugestões
A sua opinião é importante para nós.
Se encontrou um preço incorrecto, um erro ou um problema técnico nesta página, por favor avise-nos.
Caixa de sugestões
 
Multibanco PayPal MasterCard Visa American Express

Serviços

AVALIAÇÕES E COMPRA

ORGANIZAÇÃO DE ARQUIVOS

PESQUISA BIBLIOGRÁFICA

free counters