RUGENDAS. (Johann Moritz) HABITANTE DE GOYAS. Quadro a óleo pintado sobre madeira.

     
English   
 
   

Clique nas imagens para aumentar.



LA BRUYÈRE. (Jean de) OS CARACTERES.

Tradução, selecção e prefácio de João de Barros. Colecção de Clássicos Sá da Costa. Livraria Sá da Costa Editora. Lisboa. 1941.

De 24x15,5 cm. Com xv, 243 págs. Encadernação inteira de pele castanha, com nervos e ferros a seco nas pastas e na lombada, rótulos com ferros a ouro. Preserva as capas e a lombada de brochura. Ilustrado na folha de anterrosto com reprodução de gravura do retrato do autor.

Exemplar Nº 27 rubricado, de uma tiragem especial de 100 exemplares impressos em papel Leorne, da Companhia do Papel do Prado. Com danos na cabeça da lombada e ligeiras falhas superficiais de pele.

Obra publicada pela primeira vez em França em 1688 com o título «Les Caractères de Théophraste traduits du grec avec Les Caractères ou les moeurs de ce siècle». Ficou célebre pela maneira literariamente brilhante como satiriza os defeitos humanos, defendendo certos críticos que em muitos casos se referia a personagens do seu tempo sem as identificar.

Jean de La Bruyère (Paris, 1645 – Yvelines, Versailles, 1696) Filósofo e moralista francês foi amigo de Bossuet e preceptor do Duque de Bourbon neto do Príncipe de Condé, ficando ao serviço da família como bibliotecário em Chantilly depois da morte do seu pupilo.

Referência: 2102RS005
Local: I-15-F-48


Caixa de sugestões
A sua opinião é importante para nós.
Se encontrou um preço incorrecto, um erro ou um problema técnico nesta página, por favor avise-nos.
Caixa de sugestões
 
Multibanco PayPal MasterCard Visa American Express

Serviços

AVALIAÇÕES E COMPRA

ORGANIZAÇÃO DE ARQUIVOS

PESQUISA BIBLIOGRÁFICA

free counters