RUGENDAS. (Johann Moritz) HABITANTE DE GOYAS. Quadro a óleo pintado sobre madeira.

     
English   
 
   

Clique nas imagens para aumentar.



GOUVEIA. (D. Frei António de) TROPHEA LUSITANA.

Prefácio, Leitura e Notas de José Pereira da Costa.

Fundação Calouste Gulbenkian - Serviço de Educação. Lisboa. 1995.

De 25x20 cm. Com 279 pags. Encadernação do editor com sobrecapa de protecção.

Ilustrado com o fac-simile da folha de rosto do manuscrito.

Obra sobre a história e os feitos dos portugueses na Índia e no Oriente no século dezasseis, recorrendo a dados que se mantinham registados na época, e também recorrendo aos testemunhos dos homens e das mulheres que estiveram em momentos determinantes da guerra tal como no Cerco de Diu. Segundo o prefaciador Frei António de Gouveia foi um homem de impressionante actividade, um espirito inquieto, que detinha as prorrogativas de Bispo; comportava-se de forma autocrática, e viu a sua vida ensombrada pelo ódio do Xá da Pérsia e pela desconfiança do Rei Filipe de Espanha. Escreveu este manuscrito que continha os troféus desenhados ao estilo de uma emblemata, e que eram atribuidos em cada capitulo a um português ilustre na defesa do Oriente, sendo posteriormente estranhamente obliterados ou perdidos do respectivo manuscrito. O prefaciador considera surpreendente o facto deste manuscrito ter permanecido inédito até à actualidade, tendo sido pela primeira vez mencionado por Manuel Ribeiro em 1938, no Diário do Alentejo.

 

Referência: 1907IM031
Local: I-15A-G-10


Caixa de sugestões
A sua opinião é importante para nós.
Se encontrou um preço incorrecto, um erro ou um problema técnico nesta página, por favor avise-nos.
Caixa de sugestões
 
Multibanco PayPal MasterCard Visa American Express

Serviços

AVALIAÇÕES E COMPRA

ORGANIZAÇÃO DE ARQUIVOS

PESQUISA BIBLIOGRÁFICA

free counters