RUGENDAS. (Johann Moritz) HABITANTE DE GOYAS. Quadro a óleo pintado sobre madeira.

     
English   
 
   

Clique nas imagens para aumentar.



DEUS. (Frei Jacinto de) BRAQUILOGIA DE PRÍNCIPES.

Nova Edição, com um Estudo de Hipólito Raposo. Colecção de Clássicos do Pensamento Político Português. Direcção de Hipólito Raposo e Luís de Almeida Braga. Nº 2. Edições Gama. Lisboa. MCMXLVI. [1946].

De 19,5x12,5 cm. Com xx, 246, [ii] págs. Ilustrado com a reprodução da folha de rosto da 1ª edição, publicada em 1671. Brochado.

O Cólofon informa que esta reedição acabou de ser impressa em 1947. Transcreve a dedicatória, prólogo e licenças da 1ª edição. As páginas preliminares contêm espaço destinado a ex-libris, catálogo dos livros das Edições Gama, nota prévia com um estudo biográfico e crítico da obra. No fim inclui o índice da obra. Braquilogia significa breviário ou epítome aludindo assim ao carácter de concisão sentenciosa do estilo da obra, característico deste autor.

Destinada à educação dos príncipes, está estruturada em quatro capítulos com os seguintes títulos: Das partes integrantes [do príncipe]; Da Justiça; Da Clemência; Das partes convenientes a Príncipes, Avisos necessários e advertências.

Obra muito importante para a história do pensamento político em Portugal, em especial no aspecto da educação e dos deveres do príncipe, escrita a pensar no caso de D. Pedro II, que nesta época era regente e posteriormente se tornou rei depois da morte do seu irmão D. Afonso VI, em 1683. É também notável pelo seu estilo literário que apresenta grande número de neologismo construídos a partir do latim, criticados no seu tempo, mas que posteriormente vieram a integrar o português corrente.

Frei Jacinto de Deus (Macau 1612 - Goa 1681) da Ordem dos Frades Capuchinhos, professou no Convento da Madre de Deus de Goa, cerca de 1630, foi mestre de prima de teologia e exerceu os mais altos cargos da sua ordem, como Custódio da Província da Madre de Deus da Índia, Vigário Provincial, Guardião do Convento e Comissário Geral. Escreveu outras notáveis obras de história, como Escudo dos Cavaleiros das Ordens Militares, (1670), Tribunal da Província da Madre de Deus (1670), Caminho de Frades Menores (1689) e Vergel de Plantas e Flores da Província da Madre de Deus (1690).

Referência: 1901PG001
Local: I-7-E-13


Caixa de sugestões
A sua opinião é importante para nós.
Se encontrou um preço incorrecto, um erro ou um problema técnico nesta página, por favor avise-nos.
Caixa de sugestões
 
Multibanco PayPal MasterCard Visa American Express

Serviços

AVALIAÇÕES E COMPRA

ORGANIZAÇÃO DE ARQUIVOS

PESQUISA BIBLIOGRÁFICA

free counters