RUGENDAS. (Johann Moritz) HABITANTE DE GOYAS. Quadro a óleo pintado sobre madeira.

     
English   
 
   

Clique nas imagens para aumentar.



ESTEVES. (Maria Luísa) GONÇALO DE GAMBOA DE AIALA, CAPITÃO-MOR DE CACHEU, E O COMÉRCIO NEGREIRO ESPANHOL.

(1640-1650) IV Centenário da Fundação da cidade de Cachéu 1588-1988. Centro de Estudos de História e Cartografia Antiga. Instituto Nacional de Estudos de Pesquisa. Instituto de Investigação Científica Tropical. Lisboa. 1988.

De 23,5x16,5 cm. Com [iv], vi, 138, [vi] págs. Ilustrado com reprodução de uma gravura. Brochado. Contém prefácio de Carlos Cardoso, coordenador do CEHC, um apêndice documental com a transcrição de 31 documentos, fontes, bibliografia e índice. Descrição e estudo dos esforços desenvolvidos por D. João IV para a constituição e defesa de um núcleo populacional luso-africano em Cacheu.

Vivia-se na altura um ambiente internacional hostil devido aos ataques de holandeses e ingleses. Havia também problemas internos no território da Guiné causados pelos prejuízos sofridos pelos grandes comerciantes, decorrentes da interrupção do comércio de escravos com os Espanhóis durante a Guerra da Restauração.

Para a história deste período ficará a fundação, por Gonçalo de Gamboa, da povoação de Farim e do forte de Ziguichor. Trabalho de investigação muito valioso para a história da Guiné e da época da Restauração.

Referência: 1808PG001
Local: I-86-F-1


Caixa de sugestões
A sua opinião é importante para nós.
Se encontrou um preço incorrecto, um erro ou um problema técnico nesta página, por favor avise-nos.
Caixa de sugestões
 
Multibanco PayPal MasterCard Visa American Express

Serviços

AVALIAÇÕES E COMPRA

ORGANIZAÇÃO DE ARQUIVOS

PESQUISA BIBLIOGRÁFICA

free counters