RUGENDAS. (Johann Moritz) HABITANTE DE GOYAS. Quadro a óleo pintado sobre madeira.

     
English   
 
   

Clique nas imagens para aumentar.



SANTA MARIA. (Francisco de) JUSTA DEFENSA

EM TRES SATISFAC,OENS APOLOGETICAS A OUTRAS TANTAS INVECTIVAS, COM QUE O M. R. P. M. Fr. MANOEL DOS SANTOS, Monge Professo no Real Mosteyro de Alcobaça, Mestre em Theologia, & Cronista Geral da Ordem de S. Bernardo, SAHIO A LUZ NO SEU LIVRO INTITULADO ALCOBAC,A ILLUSTRADA, Contra a Cronica da Congregação DO EVANGELISTA, & CONTRA O Author della, & desta Defensa O P. FRANCISCO DE S. MARIA, Conego, & Cronista da mesma Congregação. LISBOA. Na Officina de JOSEPH LOPES FERREYRA. Anno de M. DCCXI. [1711].

In 8º gr. (de 19,5x13,5 cm) com [16], 128 págs.

Encadernação da época, inteira de pele marmoreada, com nervos e ferros a ouro na lombada. Corte de folhas carminado.

Exemplar com ex-libris moderno e leves anotações marginais a lápis, coevas mas não contemporâneas da obra.

Obra escrita pelo mesmo autor e historiador da Ordem de São Jorge de Alga, que escreveu “O Ceo aberto na terra. Historia das Sagradas Congregaçoens dos Conegos Seculares de S. Jorge em Alga de Veneza, e de S. Joaõ Evangelista em Portugal”. Lisboa. 1697.

Esta obra é de uma importância fundamental na compreensão e na discussão do problema em torno da crise da Ordem de Cristo, que esteve sob a tutela do Infante D. Henrique, o Navegador, e também sob a tutela do rei D. Manuel I. Este era mestre da Ordem no período antes de ser rei e, após a sua coroação, reformou e regulamentou a referida a Ordem (vide pág. 35 e seguintes). A nova regra desvinculou a Ordem da observância cisterciense e de um certo hermetismo e ascese próprios da jurisdição dos abades de Alcobaça. A nova jurisdição eclesiástica, com os Estatutos de Tomar e com a governação régia, vulgarizou a Ordem, que assim entrou em crise. A esta crise que a Ordem de Cristo vivia na época o autor denomina-a de «relaxação» (vide pág. 44 e seguintes).

Inocêncio II, 462 «Padre Francisco de Sancta Maria, Conego secular da Congregação de S. João Evangelista, Doutor em Theologia pela Universidade de Coimbra, Reitor da Casa de Sancto Eloy, e Geral da mesma Congregação, Provedor do Hospital Real das Caldas da Rainha, etc. Diz se que rejeitára o bispado de Macau, para o qual elrei D. Pedro II quiz nomea-lo em 1692. Nasceu em 1653, e morreu em 1713. Para a sua biografia veja o Elogio que á sua memoria dedicou Manuel da Cunha de Andrade, impresso em 1739, e os Estudos biographicos de Canaes a pag. 234. Há na Biblioteca Nacional dois retratos seus. […] Justa defensa em tres satisfações apologeticas a outras tantas invectivas, com que o P. Fr. Manuel dos Sanctos sahiu á luz no seu livro «Alcobaça illustrada» contra a Chronica da Congregação do Evangelista. Lisboa, por José Lopes Ferreira 1711. 4.° de XVI 128 pag. Esta defensa foi repulsada pelo autor censurado, na resposta que deu com o titulo de Alcobaça vindicada. (V. Fr. Manuel dos Sanctos.) Comprei um exemplar deste livro por 240 réis.»

 In 8º gr. (19,5x13,5 cm) with [16], 128 pp.

Binding: Contemporary marbled full calf with raised bands and gilt tools on spine. Red edges.

Copy with recent ex-libris and pencil notes on margins, old but not contemporary.

This work is of the utmost importance to understand and discuss the issue surrounding the crisis of the Order of Christ, who was under Prince D. Henrique the Navigator, and also under King D. Manuel I. King D. Manuel I was Master of the Order before he became king and, after having been crowned, he reformed and regulated the Order (refer to page 35 et seq.). The new rule exempted the Order to comply with the Cistercian rules and away from a certain hermeticism and asceticism which were characteristics of the jurisdiction of the abbots of Alcobaça. The new ecclesiastic jurisdiction with the Statutes of Tomar and the royal governance vulgarised the Order and it started to enter a crisis. The author calls the crisis the Order of Christ was living at the time “relaxation” (refer to page 44 et seq.).

 

Referência: 1712JC019
Local: M-3-C-26


Caixa de sugestões
A sua opinião é importante para nós.
Se encontrou um preço incorrecto, um erro ou um problema técnico nesta página, por favor avise-nos.
Caixa de sugestões
 
Multibanco PayPal MasterCard Visa American Express

Serviços

AVALIAÇÕES E COMPRA

ORGANIZAÇÃO DE ARQUIVOS

PESQUISA BIBLIOGRÁFICA

free counters