RUGENDAS. (Johann Moritz) HABITANTE DE GOYAS. Quadro a óleo pintado sobre madeira.

     
 
   

Clique nas imagens para aumentar.



CARVALHO. (João Jorge) GATICANEA,

OU CRUELISSIMA GUERRA ENTRE OS CÃES, E OS GATOS, DECIDIDA EM HUMA SANGUINOLENTA BATALHA Na grande Praça DA REAL VILLA DE MAFRA. ESCRITA Por… LISBOA Na Officina Patr. de FRANCISCO LUIZ AMENO. M.DCC.LXXXI. [1781].

In 8º (de 16x10 cm) com xi-126-(i) pags.

Encadernação da época inteira de pele com ferros a ouro na lombada e rolados em esquadria nas pastas.

Ilustrado com três mágnificas gravuras a buril em extra texto assinadas por Godinho: “Estampa primeira: frontispício representando o cão de nome Maluco dominando os gatos seus inimigos com vista panorâmica do vale de Mafra. Estampa segunda desdobrável (com reparações no verso das dobras) representa a cozinha do Convento em pleno funcionamento. Estampa terceira representa a monumental fachada do Convento de Mafra no “exacto momento da cruelissima Guerra entre os Cães e os gatos na Real Praça da Villa de Mafra.”

Exemplar com uma página volante no fim com a indicação da colocação correcta das estampas destinada ao encadernador e que era normalmente retirada pelo mesmo.

Primeira edição.

Inocêncio III, 389. “a cujo respeito trabalho em vão desde muitos annos por adquirir noticias, estando quasi desenganado da possibilidade de alcançal-as - Segunda edição, Lisboa, 1817. 8.º - Terceira edição, ibi, na Offic. de João Nunes Esteves 1828. 8.º.” (…) “Este poema heroi-comico em quatro cantos, escripto em versos hendecasyllabos pareados, e no gosto pouco mais ou menos da Batrachomyomachia attribuida a Homero, não é de todo destituido de merito, na opinião de criticos competentes, e denuncia em seu auctor tal qual ingenho e vêa poetica. A prova de que agradou ao publico é, terem-se d’elle feito não menos de tres edições no lapso de cincoenta annos, ao passo que obras de valia incomparavelmente mais subida atravessam entre nós um seculo, e ás vezes dous, sem gosarem do beneficio da reimpressão! Se não houve engano quanto á menção da edição da Gaticanéa (n.º 389) feita em 1817, existe uma datada de 1846, em tudo igual a primeira. É de Lisboa, na imp. Regia, em 8.º de 114 pag. Ácerca da Gaticanea veja-se o sr. Theophilo Braga nos Estudos da idade media, pag. 247 e 248. - A terceira edição, feita em 1828, Esta edição, cujas estampas estão gastas nas chapas, é incorrecta no texto, a começar pelo frontispicio, onde se imprimiu Dedicada em vez de decidida, etc., etc.”

Referência: 1401JC004
Local: M-3-B-18


Caixa de sugestões
A sua opinião é importante para nós.
Se encontrou um preço incorrecto, um erro ou um problema técnico nesta página, por favor avise-nos.
Caixa de sugestões
 
Multibanco PayPal MasterCard Visa American Express

SERVIÇOS

Avaliações e Compra


Organização de Arquivos


Pesquisa Bibliográfica


A SUA ENCOMENDA

Ver

Encomendar


Valor: €0

Temáticas


Índice Geral / All Categories

Livros Raros / Rare Books

free counters