RUGENDAS. (Johann Moritz) HABITANTE DE GOYAS. Quadro a óleo pintado sobre madeira.

     
English   
 
   

Clique nas imagens para aumentar.



TRATADO DE CONFISSOM.

(Chaves, 8 de Agosto de 1489). Fac-símile do exemplar vnico pertencente ao Dr. Migvel Gentil Qvina. Leitvra Diplomática e estvdo bibliográfico por José V. de Pina Martins. Portvgalliae Monvmenta Typographica. Cimélios Portvgveses qvatrocentistas e qvinhentistas. Estvdados e fac-similados sob a direcção de José V. de Pina Martins. Volume I. Imprensa Nacional-Casa da Moeda. Lisboa. 1973.

De 28x20 cm. Com 281, [i] págs. Muito ilustrado no texto e em extra-texto, com a reprodução fac-simile do incunábulo . Brochado.

Exemplar com sinais de manuseamento. 

Obra de divulgação histórica sobre o Tratado de Confissom, apresentando, pela mesma sequência, um estudo crítico sobre o incunábulo e as suas características intrínsecas e extrínsecas, a reprodução fac-simile do códice, sua leitura diplomática, nota bibliográfica e índices.

Apresentando uma visão canónico-jurídica dos actos morais, à guisa de guia de confessor, determina-se na obra, atendendo a uma hierarquia de valores canonicamente fixada, a gravidade de diferentes pecados, discorrendo sobre cada um deles.

Documento importante para o estudo da evolução da língua portuguesa e da problemática do livro em Portugal no século XV bem como para a análise da religiosidade de quatrocentos.

Referência: 1110IM167
Local: I-4-F-8


Caixa de sugestões
A sua opinião é importante para nós.
Se encontrou um preço incorrecto, um erro ou um problema técnico nesta página, por favor avise-nos.
Caixa de sugestões
 
Multibanco PayPal MasterCard Visa American Express

Serviços

AVALIAÇÕES E COMPRA

ORGANIZAÇÃO DE ARQUIVOS

PESQUISA BIBLIOGRÁFICA

free counters