RUGENDAS. (Johann Moritz) HABITANTE DE GOYAS, QUADRO A ÓLEO PINTADO SOBRE MADEIRA.

     
English   
 
   

Clique nas imagens para aumentar.



PEREIRA DE FIGUEIREDO. (António) OBSERVAÇOENS SOBRE A LINGUA E ORTHOGRAFIA LATINA,

Tiradas dos Marmores, Bronzes, e Medalhas dos antigos Cezares, principalmente desde Augusto até os Antoninos: Por Antonio Pereira de Figueiredo Presbytero Lisbonense. LISBOA, Na Officina Patriarcal de Francisco Luiz Ameno. MDCCLXV. [1765]. Com todas as licenças necessarias.

In 4º de 23,8x17,2 cm. Com [xxviii], 180 págs. Encadernação da época inteira de pele, com rótulo vermelho, nervos e ferros a ouro. Corte das folhas carminados.

Impressão muito nítida sobre papel de linho, com grandes margens, ornamentada com um elegante florão na folha de rosto e com três cabeções decorados, com motivos vegetalistas no início da dedicatória, do prefácio, do texto e do índice.

Exemplar com algum desgaste na encadernação, um pouco mais acentuada nos cantos e com pequena falha superficial de pele na primeira casa da lombada e na pasta anterior; com pequeno pico de traça no pé das folhas preliminares; pequena mancha à cabeça das páginas 105 ao fim e um pequeno furo de traça junto ao festo nas páginas 119 a 148.

As páginas preliminares contêm uma extensa e encomiástica dedicatória a António de Vasconcelos e Sousa, filho dos Condes de Castelo Melhor; as licenças com aprovações de Frei Manuel do Espírito Santo, Diogo Barbosa Machado e de Manuel Pereira da Costa e com as autorizações pra imprimir e correr pelo Arcebispo de Lacedemónia.

O biógrafo de Pereira de Figueiredo, D. Tomás Caetano do Bem, considera esta obra umas das melhores do autor: «Aureo tractado, phenix das obras (sendo tantas) d’este preclaro phenix dos ingenhos, e a quem todo o louvor é menor que o seu merecimento.»

É um dos mais importantes estudos sobre a língua latina a partir de fontes epigráficas, de que transcreve numerosos exemplos tirados de diversos locais situados em todas as partes do Império Romano, em especial da época clássica.

António Pereira de Figueiredo (Mação 1727 – Lisboa 1799) da Congregação do Oratório de Lisboa, da qual saiu em 1769 para o estado de Presbítero secular, por ordem Régia, para exercer as funções de Oficial de Línguas na Secretaria de Estado dos Negócios Estrangeiros e da Guerra. Foi deputado da Real Mesa Censória, sócio da Academia Real das Ciências de Lisboa. Considerado um dos maiores latinistas da Europa no século passado, tornou-se célebre pelos seus escritos teológicos muitos deles em defesa da política do Marquês de Pombal. Hoje em dia é, no entanto, mais lembrado por ser o autor da segunda tradução da Bíblia em Português, que foi o texto mais usado desde o final do século XVIII até ao início do século XX.

 In quarto. 23.8x17.2 cm. [xxviii], 180 pp. Contemporary full leather binding, with red label, raised bands and gilt tools on spine. Red edges.

Very crisp and sharp printing on linen paper, with large margins, ornamented with an elegant fleuron on the title page and with three decorated headpieces, with vegetal motifs at the beginning of the dedication, the preface, the text and the index.

Copy showing some signs of wear on the binding, a little more visible at the corners and with small superficial leather flaw on the first house of the spine and on the front board; with small moth hole at the foot of the preliminary leaves; small stain at the head of pages 105 to the end and a small moth hole near the inner hinge on pages 119 to 148.

The preliminary pages contain an extensive and encomiastic dedication to António de Vasconcelos e Sousa, son of the Counts of Castelo Melhor; the licences with approvals by Friar Manuel do Espírito Santo, Diogo Barbosa Machado and Manuel Pereira da Costa and with the authorisations to print and run by the Archbishop of Lacedemonia.

The biographer of Pereira de Figueiredo, D. Tomás Caetano do Bem, considers this work one of the author's best.

It is one of the most important studies on the Latin language from epigraphic sources, of which he transcribes numerous examples taken from various sites located in all parts of the Roman Empire, especially from the classical period.

António Pereira de Figueiredo (Mação 1727 - Lisbon 1799) of the Congregation of the Oratory of Lisbon, from which he left in 1769 to the state of secular Presbyter, by Royal order, to exercise the functions of Language Officer in the Secretariat of State for Foreign Affairs and War. He was a deputy of the Royal Board of Censors and a member of the Royal Academy of Sciences of Lisbon. Considered one of the greatest Latinists of Europe in the last century, he became famous for his theological writings, many of them in defence of the policy of the Marquis of Pombal. Today he is, however, best remembered for being the author of the second translation of the Bible into Portuguese, which was the most widely used text from the late 18th century until the early 20th century.

Referências/References:

Azevedo e Samodães, II, 2411.

Inocêncio I, 225.


Temáticas

Referência: 1101CS004
Local: SACO PG97-13

Indisponível





Caixa de sugestões
A sua opinião é importante para nós.
Se encontrou um preço incorrecto, um erro ou um problema técnico nesta página, por favor avise-nos.
Caixa de sugestões
 
Multibanco PayPal MasterCard Visa American Express

Serviços

AVALIAÇÕES E COMPRA

ORGANIZAÇÃO DE ARQUIVOS

PESQUISA BIBLIOGRÁFICA

free counters