RUGENDAS. (Johann Moritz) HABITANTE DE GOYAS. Quadro a óleo pintado sobre madeira.

     
English   
 
   

Clique nas imagens para aumentar.



NOGUEIRA. (A. F.) A ILHA DE S. THOMÉ.

A questão bancária no ultramar e o nosso problema colonial. Por […] Typ. Do Jornal as Colonias Portuguezas. Lisboa.1893.

De 22x15 cm. Com [iv], xv, 191, [iii] págs. Encadernação da segunda metade do século XX, com lombada e cantos em pele, com nervos, rótulo vermelho e ferros a ouro. 

Ilustrado com mapas, várias gravuras em página dupla e com três desdobráveis: O primeiro entre as páginas 114-115 reproduzindo uma tabela referente às operações do Banco Nacional Ultramarino em S. Tomé. O segundo reproduzindo um esboço topográfico da parte mais cultivada de S. Tomé, publicado pela primeira vez em 1885. O terceiro, e último, reproduzindo um mapa dos contornos da Ilha, segundo o mapa publicado pela comissão de cartografia de 1881, com várias adições e rectificações.

Exemplar preserva as capas de brochura, com carimbo oleográfico rasurado na página I, que causou uma mancha na folha de anterrosto e com asinatura de posse na folha de rosto, com data de 1912. 

Estudo de economia política de grande interesse para a análise das grandes transformações ocorridas em S. Tomé a partir da década de 1880, apresentando um sumário dos principais elementos de prosperidade daquela ilha e várias sugestões sobre quais os meios mais eficazes de os desenvolver, destacando o papel do BNU nesse processo.

Contém resumos sobre a geografia, fauna, flora, clima, população, instrução pública, culturas do café, cacau e chinchona, comércio e finanças, principais necessidades, economia colonial e história da Ilha de S. Tomé, precedidos de uma longa exposição introdutória de Oliveira Martins.

Contém algumas considerações sobre as Ilhas do Príncipe e de S. João Baptista de Ajudá.

Monografia sobre as propriedades e instalações pertencentes ao Banco Nacional Ultramarino.

Com um prefácio de Oliveira Martins com 7 páginas onde é feito um elogio a esta obra: “é para mim subida honra pôr estas fugitivas observações à frente da sua copiosa e interessantissima monographia da «Ilha de Thomé». …estas breves palavras resumem, pois, a bellissima impressão que me deixou o seu trabalho, refundido agora em segunda edição…o estudo que fez tão magistralmente, além de nos mostrar ponto por ponto, a geographia, a história e a economia de S. Thomé, presta uma lição eloquente…”.

Inocêncio XIX, 390 e XVII, 371.

Referência: 0907JC123
Local: I-102-D-65


Caixa de sugestões
A sua opinião é importante para nós.
Se encontrou um preço incorrecto, um erro ou um problema técnico nesta página, por favor avise-nos.
Caixa de sugestões
 
Multibanco PayPal MasterCard Visa American Express

Serviços

AVALIAÇÕES E COMPRA

ORGANIZAÇÃO DE ARQUIVOS

PESQUISA BIBLIOGRÁFICA

free counters